O que vestir?

Sabe aquele dia em que você abre o guarda-roupa e não sabe o que vestir? Hoje foi assim pra mim. Hoje, ontem, ante-ontem, semana passada. Eu olho, olho, passo cabide por cabide, prateleira por prateleira e não consigo combinar nada com nada. Sem falar nas roupas que não cabem mais, e ficam sempre ali, guardadinhas, na esperança de um dia poder voltar a vesti-las.

Eu tenho um problema sério com roupas. Sempre tive. Quando criança, a minha mãe costurava pra mim. Eu sempre usei roupas sob medida, escolhidas a dedo nas revistas de moda da época. E adorava as roupas que minha mãe fazia pra mim. Eu lembro que tinha vergonha do meu corpo desengonçado de pré-adolescente e nunca gostava de usar roupa justa, nem curta. Eu sempre andava de calça (ou bermuda) e camiseta bem larga. Na faculdade, eu mudei um pouco meu estilo. Passei a usar mais saias e vestidos, que eu adoro! Já usava algumas blusinhas mais justas também.

Mas sempre tive uma dificuldade enorme de comprar roupas prontas. Nada me serve direito. Ou é muito transparente, ou é curto, ou é muito justo, ou muito decotado. Eu sou uma chata mesmo. Ainda não achei o meu estilo, talvez.

Tenho várias blusas de malha, regatas e com manga. Se eu quero sair e colocar uma roupa mais arrumada, não tenho. Muitas das minhas roupas são doadas da minha mãe, ou da minha irmã. Quando eu consigo comprar uma peça que eu goste, ela com certeza não combina com nada que eu já tenha no armário.

Outro problema associado é minha incapacidade de gastar comigo mesmo. Tudo que olho nas vitrines é lindo, mas tão caro. Aí­ acabo desistindo da peça e comprando três mais baratinhas (e porcarias), que vão ter que ser substituí­das em pouco tempo.

Ai, como eu queria participar do programa Esquadrão da Moda (What not to wear, no original). Imagina só, ganhar uma bolada pra gastar só com roupa e ainda por cima com consultoria? Tudo de bom.

Eu preciso de roupas novas. Urgentemente.

E por quê que pros homens é tão mais fácil? Calça, camisa, camiseta, terno. Pronto. não precisa de mais nada. Mulher não. Tem blusa com manga, sem manga, de alça, sem alça, vestido comprido, curto, médio, saia justa, evasê, pregueada, short, bermuda, capri, calça, jaqueta, terninho, acessórios. Um pra cada estação do ano, um pra cada perí­odo do dia, um pra cada tendência da moda ou estilo. Afe. É difí­cil ser mulher, viu?

[tags]roupas, mulher[/tags]

Sobre Ana Paula

Jornalista e escritora carioca expatriada em Vancouver, no Canadá.

Comentários

  1. Bom somos duas, por isso adoro usar vestido!!!!

  2. Oi Ana,
    Tb tinha este problema de nao conseguir gastar comigo, que por sinal piorou depois que tive a Hellen, mas sabe que estou conseguindo mudar? Faz qze um ano que tenho conseguido comprar pra mim, e ‘e tao bom!!! Me gosto mais, me preocupo mais comigo mesma e com meu bem estar. ‘E claro que sei que tenho muito que mudar, mas vou aos poucos, afinal naum posso mudar em um unico dia, mais de 20 anos.
    Bjos

  3. Oi Ana! Também concordo com vc! Ser mulher é complicado pra caramba! Tem dia que nada está bom… Já cheguei até a dizer que na outra encarnação eu quero ser homem que é bem mais simples e barato rs.rs.rs. Pode ter certeza que você não é a única que se sente assim .
    bjks

  4. Oi Ana,
    Este final de semana tive problemas para comprar calça jeans, a cintura cada vez mais baixa, tem que usar com uma calçinha pequena(detesto) e com camiseta comprida(vou ter que comprar) se não quiser ter “as coisas” amostra, não tive opção.
    não sigo muito a moda não, por isso que adoro jeans e camista e uso até gastar.
    Bj

  5. Olá Ana !!

    Faz pouco tempo que conheci seu blog, mas estou adorando, quase todos os dias passo por aqui …
    Resolvi comentar porque me identifiquei muito com esse seu último post. como ser mulher é difí­cil …
    Além das inumeras opções de roupa ainda tem cabelo, unhas, depilação … É realmente um caos … rsss
    Só não abriria mão de ser mulher por que só mulher pode ter, gerar um filho, né ?? E esse é o meu maior sonho … Já li umas 3 vezes o seu relato sobre o nascimento de sua filha … Fico encantada imaginando como deve ser feliz esses momentos …
    É isso !!

    beijos !!!

    Paula

  6. Nossa menina, vc descreveu exatamente a minha angustia. Eu sonho em saber combinar cores, sapatos, bolsas, biju. Mas to sempre com a mesma calça jeans, sapatinho baixo e blusinha de malha. Quando resolvo gastar de acordo, sempre acho que não fiz a melhor escolha e o negócio fica parado no guarda-roupa. Sempre acho que as outras mulheres se vestem melhor. Me vestir sempre foi um problema, algo a resolver, e dei muita risada quando você disse que acaba comprando peças mais baratas e tem que substituir ahahaha eu vivo o mesmo problema . O pior, é ainda ter um marido que sugere que vc tenha um estilo diferente “ande mais bonita”, coitado tenta de todas as maneiras, sempre muito educado, me convercer a ser diferente, eu até quero, mas….

  7. Falou exatamente o q vivo.
    Hj em dia tenho mt roupa no estilo menininha, e algumas mt bascias como jeans e camisetas para a faculdade, mas e agora q vou ser profissional? queria alguma coisa mais profissional mas so acho bonito nas outras, acho horrivel em mim.
    E o pior: sapatos!!!!!!!! nunca consigo achar q ficam bons nos meus pes, sempre ando de tenis e fala serio, tenis nao combina com nada!!!!!! – alem de roupa de ginastica – bom, se tiver inscricao do programa aqui, eu quero ir tb!!!!!!!

  8. Ana, tenho o problema exatamente oposto ao seu: gasto demais comigo mesma! Adoro moda, roupas, combinações. Se precisar de ajuda pra descobrir seu estilo, posso recomendar alguns sites legais. Também temos no site da revista o blog da Ilana Berenholc, que é consultora de imagem. Sabe que pequenas mudanças rendem grandes resultados, né? Comece doando aquelas roupas que você não usa há mais de um ano. Essa é minha missão agora no iní­cio do ano. Beijos, Ju

  9. *rs Adorei esse post ! Também amo vestidos, eles disfarçam (ou não) bastante !

    Beijos,
    Aninha

  10. Nossa concordo perfeitamente com isso!!! meu deus, pra mim tb é tao difícil achar roupa, andar no estilo, hahaha, tenho akeles sites de “monte sua roupa” e mesmo assim me perco com tantas opçoes, nao sei oq é pior… ter poucas roupas e ficar sem opção ou ter muuuitas e se perder com tantas combinações…

    Mas enfim, eu fico aki na net, vejo coisinhas de moda e tals..mas qnd viro as costas e abro o armario, pronto, uso a roupa comum do dia-a-dia… sem graça, sem charme e…bem…confortáveis hahahaha

  11. Olá. Muito bom o blog, as reportagens são ótimas.
    Abraço

  12. eu tambem gostaria muito de participar do esquadrao da moda amo a Bella e o Arlindo e seguiria a risca todas as as suas dicas eles sao tudo…

Comente

*